Como aumentar a produtividade no canteiro de obras

produtividade-canteiro-de-obras-engepecas

O aumento da produtividade é afetado por vários fatores inter-relacionados, sendo dependente da integração de vários recursos que atuam e contribuem para a formação e movimentação das obras. Entre alguns fatores podem-se citar a capacitação e treinamento dos funcionários, a metodologia do trabalho que é utilizada, as práticas de controle, layout de canteiro de obra, utilização de insumo, estrutura organizacional da empresa, entre outros.

No canteiro de obras, a produtividade encontra diversos entraves como, por exemplo, a dependência de atuação de terceiros nas obras de várias construtoras do mercado. Mas, como alavancar e mudar este cenário, que é um dos principais desafios?

O aumento da produtividade é afetado por vários fatores inter-relacionados, sendo dependente da integração de vários recursos que atuam e contribuem para a formação e movimentação das obras.

Entre alguns fatores, cita-se a capacitação e treinamento dos funcionários, a metodologia do trabalho que é utilizada, as práticas de controle, layout de canteiro de obra, utilização de insumo, estrutura organizacional da empresa, entre outros.

O excesso de burocracia é uma das barreiras para o aumento da produtividade, principalmente quando há comparação entre o Brasil e o exterior. É preciso mudar a legislação a fim de encarar os desafios, assim como, as atuais políticas internas e a atuação das empresas, que encontram grandes dificuldades.

Uma das medidas propostas para mudar o cenário é o estabelecimento de parcerias, sobretudo as que estão relacionadas com o desenvolvimento, análise crítica e entrega de projetos, que costumam ser muito complexos devido à burocracia atual. Por exemplo, nas obras há demora de entrega nos projetos básicos e executivos, e, além disso, muitos não têm qualidade, o que gera mais recursos, tempo e retrabalho dos diversos processos, além de improdutividade.

Por isso, para mudar e aumentar a produtividade nos canteiros de obras uma metodologia denominada “Gestão integrada por processo” foi desenvolvida para ser aplicada nas construções de forma eficiente.

A produtividade é afetada por vários problemas e o modelo elaborado visa identificá-los e corrigir as falhas que atingem os processos atuais, para que eles se tornem produtivos, efetivos e gerem resultados.

Assim, é necessário encontrar as falhas e estabelecer as mudanças, visando estabelecer melhorias nas obras em geral.